Nail art fora de época…

Por Luísa

…porque sim e ninguém manda em mim!

Tudo bem, pessoal?

Lembram lá atrás, no da 21, que saiu a postagem sobre o Kayky, da Foup? Aquele lindo que brilhava e ofuscava e que parecia o sapato da Dorothy? Pois é. Dois dias depois que passei o dito, fiz nail art.

E qual era o tema que melhor combinava com um glitter vermelho vivo com base vermelho sangue? Caveiras, terror, Halloween, tudo isso. Pois então, fiz caveiritchas. Bora olhar?

Continuar lendo

Na vibe do ano novo…

Por Luísa

E aí, pessoaaaal!

Ganharam um monte de presente? Namorado/namorada deu aquele esmaltchy dos sonhos? Tio mocorongo fez piada de pavê? Ainda tem fita de presente pendurada no lustre da casa da vó?

Pois é. Passou o Natal. Passou o Natal e eu não mostrei ainda qual foi a combinação que eu usei no dia da festa, e NÃO é hoje que eu vou mostrar, mwahaha!

Hoje eu trago pra vocês uma combinação que fiz um tempo atrás, lá pro meio de dezembro, e salvei as fotos. Lembro que fiz pensando no ano novo e na vibe fofa e festiva da data. MAS como a minha festa de ano novo será DA-ZU-E-RA, não repetirei essa combinação no dia, mas fica aí a dica pra vocês! 😀

Já vou adiantando que foi um sofrimento tirar essas fotos, porque o lilás não queria aparecer de jeito nenhum nem quando quis editar. Resultado? A edição não ficou das melhores, mas é aceitável pro meu nível, hahaha!

Vamos ver?

Continuar lendo

Kayky, Foup

Por Luísa

Oi geral pra vocês!

Tudo bão?

Hoje a postagem é programada porque sim porque descobri que postar de sábado é legal PORÉM eu estou viajando neste momento e portanto deixei a postagem programada para que não passasse em branco. Aliás, pra não passar em branco mesmo, porque hoje a postagem tem um MONTE de foto. É quase como se fosse duas em uma.

Também hoje é meu aniversário de namoro (não que alguém tenha perguntado, mas isso pode justificar minha ausência de internet no dia de hoje também) E APROVEITEM porque é a CENTÉSIMA POSTAGEM UHUUUUUL!!!

Segunda passada fui atrás dos presentes que faltavam pras festas e aproveitei e trouxe mais um Foup pra casa. Devagarinho essa marca está conquistando meu coraçãozito. O que eu trouxe foi o Kayky, da coleção Sparkling e que tem nomes de meninos.

Vamos lá!

Continuar lendo

Jingle bells! Nail art pra passar o Natal.

Por Luísa;

DÍNGOU BÉU, DÍNGOU BÉU, ACABOU O PAPEEEEL!

E aí, pessoal? Tudo em cima? E os preparativos pras festas, todo mundo comprando o presente do sobrinho mesmo sabendo que ele vai trocar a sandália do Ben 10 pela do Homem Aranha?

Antes de falar da nail art de hoje, vou contar pra vocês uma coisa. Eu tenho o costume de procurar canais de nail art no Youtube e deixar tocando uma lista de reprodução qualquer enquanto faço as unhas. Um dos que eu sempre assisto é o Cutepolish, eu gosto bastante porque as nail art da moça são bem simples e eu sou capaz (ou deveria ser) de fazer igual. Um dia desses eu tava fazendo as unhas e vi a coletânea que ela fez de nail arts de Natal e na mesma hora eu me apaixonei pela de luzinhas!

Não sou o tipo de pessoa que faz unha comemorativa pra Natal, ano novo, Copa do Mundo, jogo do curíntia, mas sei lá, vai que vocês são. Aí pra aproveitar a deixa, fiz uma combo de Natal usando uma porrada de produtos.

Continuar lendo

Esponjado – Summer, summer! :D

Por Luísa

Oiiiiiii zentchi!

Tudo bom cocês?

Pessoal, tô num frenesi de esponjado que eu vou contar pra vocês. Depois que voltei a assistir os vídeos de nail art da Pink Flying Cow e comprei esponja nova de maquiagem, estou louca esponjando tudo o que eu encontro. Para buscar inspiração, botei a lista de reprodução dessa tia aí pra tocar e achei esse esponjado fofíssimo. Aí resolvi imitar (mas sem os beregodego de doce porque ainda não tenho toda essa habilidade).

Ah, eu ia postar só de quinta, mas sacomé, esse frenesi todo não tá me deixando esperar. Se deixar, faço unha pra um ano. Já tinha feito, uns dias atrás, outro esponjado, mas que só vai aparecer mais tarde no brogue.

Vamos ao que interessa, sim?

Continuar lendo

Swatch – Quero Muito, Passe Nati

Por Luísa;

Iaeeeeeee galera!

Todo mundo se aquecendo pra ir pra beach? Todo mundo preparando o discurso do amigo secreto? Todo mundo escolhendo que rôpa vai usar no Natal?

Pois é, meu povo, já é metade de dezembro, quase. Cês viram o ano passar? É, eu também não vi… e cá estamos. E hoje é aniversário do namorido, ê, parabéns pra ele!

MAS HOJE não é dia de nail art de natal, NÃÃÃO, hoje o post é sobre verón. Ou o suposto verão que a Passe Nati tava esperando, apesar de eu achar as cores muito blé. Mas ok. Vamos lá, porque eu tirei essas fotos na última semana de novembro e elas já estão ficando véias.

Inclusive, say goodbye para minhas unhas ultra longas – quebrei duas no toco da mão direita um tempo atrás e decidi cortar todas de uma vez por todas. Mas não cortei taaaanto assim.

A foto da coleção está de acordo com a ordem do Release.

Continuar lendo

Dia Mundial da Luta contra a AIDS

Por Luísa

E aí, pessoal?

Tudo em  ordem?

O post desta semana está saindo hoje excepcionalmente em razão da data à qual quero chamar a atenção.

Quem é da minha geração está mais do que cansado de ouvir sobre a AIDS e seus riscos, meios de contágio e etc, mas pode ser que grande parte da população não saiba que dia 1 de dezembro é o dia mundial de combate à doença. Lembrando que é claro que não é UM dia no ANO que vai resolver a situação toda, mas assim como o Outubro Rosa e o Novembro Azul, já é um começo. Como não existe “Dezembro Vermelho” (apesar de combinar, já que é o mês e a cor do Natal), decidi fazer esse post durar uma semana e meia, assim como o layout do blog em vermelho, para falar um pouco a respeito e tentar alcançar a consciência de quem lê.

A AIDS é uma doença viral, em português tendo sua sigla traduzida para SIDA (Síndrome da ImunoDeficiência Adquirida), que ataca principalmente o sistema imunológico de quem a contrai. Já devem ter ouvido um bocado nas aulas de ciências e biologia que “ninguém morre de AIDS, e sim por doenças oportunistas”. O vírus da AIDS, o HIV (em português “Vírus da Imunodeficiência Humana”), é considerado um “lentivírus” (fonte: Wikipedia), que significa que é um vírus de replicação lenta – o que significa que se a AIDS for identificada logo no começo, o tratamento será mais eficaz. O que também significa que o vírus só começa a aparecer em exames depois de aproximadamente UM MÊS do contágio. Ou seja, muitas pessoas são soropositivas mas não sabem, pois seus exames deram FALSOS NEGATIVOS.

PORÉM, minha gente, AIDS NÃO TEM CURA. Apenas tratamento. Se você suspeita de alguma coisa, faça o teste regularmente, durante pelo menos três meses, para ter certeza absoluta de seu diagnóstico.

Pode parecer “chover no molhado” contar como é que a AIDS é transmitida, mas vou dizer mesmo assim. É considerada uma doença venérea (DST, sexualmente transmissível) e o sexo sem proteção tem sido o principal veículo de transmissão. Também pode-se contrair AIDS por agulhas não esterilizadas, contato direto com sangue fresco de alguém contaminado e o uso de drogas injetáveis. NÃO SE PEGA AIDS PELO BEIJO, nem por copos, talheres, cadeiras. O contágio é feito apenas pelo contato direto com fluidos frescos de alguém que está contaminado.

Todo mundo sabendo direitinho como se cuidar? Então vamos ao que preparei para “comemorar” (eu diria “apoiar”) o dia de hoje.

Continuar lendo